Anhanguera. Aqui, o seu esforço ganha força

Para acessar a sua área você deve escolher:

  • Tenho uma conta Anhanguera Office 365

    Acesse a sua conta utilizando o seu login do Office 365

    ACESSAR MINHA CONTA
  • Ainda não tenho uma conta Anhanguera Office 365

Esqueci minha senha / 1° acesso
Notícias
Voltar

23.5.2019

7 dicas para encontrar um emprego

O atual cenário do mercado de trabalho brasileiro é difícil para profissionais de todos os perfis e idades, e apresenta desafios ainda maiores para jovens de 18 a 24 anos. Segundo dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), 26% das pessoas nesta faixa etária estão desempregadas hoje no Brasil. Com isso, a disputa por vagas de trabalho se torna acirrada e pode levantar dúvidas em quem está começando. Como fazer um bom currículo? Como funciona o LinkedIn? Como melhorar a formação pensando nas profissões do futuro? Confira algumas dicas simples e práticas para melhorar suas chances na hora de procurar um emprego e construir uma carreira de sucesso mesmo em um contexto desafiador.

1. Currículo

Mesmo sem experiência profissional, é possível montar um bom currículo. O documento deve ser claro e conciso, com informações bem organizadas e distribuídas. Além de dados pessoais (nome, idade, endereço e contatos), é preciso informar qual o objetivo profissional, a área de formação acadêmica e as principais qualificações e habilidades. Conhecimentos em idiomas e cursos realizados também devem ser informados.

2. LinkedIn

Ter um perfil nesta rede social é fundamental para aumentar as chances de encontrar emprego. Para se destacar por lá, é preciso manter o perfil atualizado e ficar de olho nas vagas e nos posts das empresas que atuam na área de atuação desejada, para entender o que elas procuram em um profissional.

3. Foco no digital

Por falar em LinkedIn, desenvolver competências digitais pode aumentar as chances de conseguir um bom emprego. De acordo com o Índice de Maturidade Digital, feito pelo Google, formação digital e conhecimentos técnicos sobre tecnologia, independentemente da área de atuação, têm impacto direto na empregabilidade.

4. Profissões do futuro

Para quem ainda está decidindo qual caminho profissional seguir, planejando mudar de área ou, ainda, investir em especialização, é importante ter em mente quais são as carreiras mais promissoras para os próximos anos -- muitas delas estão relacionadas a tecnologia. Segundo a pesquisa "Carreiras do Futuro", publicada pelo portal Exame, as profissões com maior tendência a crescer nos próximos dez anos estão nas áreas de sustentabilidade, infraestrutura, saúde e qualidade de vida, recursos humanos, marketing e vendas, tecnologia da informação e direito.

5. Habilidades humanas

De acordo com uma análise publicada pelo LinkedIn no Fórum Econômico Mundial, soft skills como originalidade, pensamento crítico e capacidade de comunicação estão entre as mais procuradas pelas grandes empresas de todo o mundo e valem para profissionais de todos os níveis hierárquicos. Não basta apenas mencionar essas habilidades no currículo; é preciso procurar desenvolvê-las para entregar o desempenho desejado à empresa em caso de contratação.

6. Preparação

Conhecimento faz toda a diferença na hora de participar de um processo seletivo. Saber sobre a história da empresa, assim como o segmento do mercado em que ela atua, é importante para responder às perguntas do entrevistador e participar de outras atividades comuns em processos seletivos com jovens profissionais, como dinâmicas de grupo, gravações de vídeos e desenvolvimento de pequenos projetos.

7. Formação profissional

Investir na carreira é a maneira mais eficaz de turbinar um bom currículo. A Anhanguera oferece opções de graduação, pós-graduação, cursos de extensão e outras opções, nas modalidades presencial, semipresencial e EAD (Ensino à Distância). Clique aqui e dê o próximo passo para construir uma carreira de sucesso!